PLANOS DE SAÚDE NEGAM RESTRIÇÃO AOS CLIENTES


Data: 16/9/2009
Fonte: Agora S.Paulo

Em resposta a reportagem publicada ontem (Convênio não quer idoso, dizem corretores), a Amil informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que "paga, rigorosamente, as comissões aos corretores referentes a esses contratos (para idosos), assim como aos outros". A Medial Saúde disse que "em hipótese alguma, em função de critérios de idade, a venda desses planos é declinada".

Já a Unimed Paulistana comunicou que não tem contrato com corretores ou vendedores de planos de saúde pessoas físicas e "que toda venda é comissionada de acordo com o contrato".

A Golden Cross disse que, "de forma alguma", exerce esse tipo de prática e afirma que "cumpre à risca toda a legislação vigente". Trasmontando, São Cristóvão e Dix Saúde não responderam.

 

Comentários

Anônimo disse…
Nenhuma das operadoras citadas, as que responderam, comissiona vendas para maiores de 59 anos.
Se numa família há um idoso, não é paga nenhuma comissão do plano familiar, nem dos menores.
Se as operadoras pagam a comissão às corretoras e estas não repassam aos vendedores, quase todos autônomos, porque continuam com elas? É tudo mentira.
Anônimo disse…
Amigo,

Eu recomendo que faça essa denúncia ao Ministério Público de São Paulo (www.mp.sp.gov.br), apresentando, inclusive, documentos que comprovem essa discriminação, como por exemplo, tabela de vendas.

Atenciosamente,
Sérgio Parra

Postagens mais visitadas deste blog

Tratamento de obesidade mórbida em clínica de emagrecimento pode ser custeado por plano de saúde

Direitos da pessoa com câncer

Beneficiário de plano de saúde coletivo tem legitimidade para questionar rescisão unilateral por operadora